O terceiro ciclo do curso básico de música é lecionado em regime articulado e em regime supletivo, de acordo com as orientações da Portaria 225/2012.

         O Decreto-Lei 344/90, de 2 de Novembro, no que diz respeito à educação artística vocacional da dança e da música, propõe uma redução progressiva do currículo geral e um reforço do currículo específico  e considera a nova forma de organização e gestão curriculares subjacentes ao currículo nacional do ensino básico designadamente, no que se refere ao princípio da gestão flexível do currículo, da diversidade das ofertas educativas e do reconhecimento da autonomia das escolas na definição do seu projeto educativo. Nesse sentido a carga horária do terceiro ciclo é reforçada e diversificada progressivamente, nomeadamente na disciplina de Classe de Conjunto.

            A lecionação das disciplinas da componente de Formação Vocacional é realizada nas instalações do Conservatório ou em salas devidamente preparadas para o efeito nas escolas de ensino regular com protocolo.

            Neste ciclo de ensino, são lecionadas as disciplinas de Formação Musical, Instrumento e Classe de Conjunto, com a seguinte Matriz Curricular: 

 

 

Componentes do Currículo

Áreas Disciplinares de Frequência Obrigatória

Blocos Semanais

Instrumento

2

Formação Musical

2

Classe de Conjunto

3/4

Total de Blocos semanais

7/8

 

 

  

 

No terceiro ciclo os blocos de aulas são organizados em períodos de 45 minutos.

            De acordo com a portaria 225/2012 a disciplina de Instrumento do Curso Básico de música pode ser organizada para que metade da carga horária semanal atribuída seja lecionada individualmente, podendo a outra metade ser lecionada a grupos de dois alunos ou repartida entre eles, ou a totalidade da carga horária semanal atribuída é lecionada a grupos de dois alunos, podendo, por questões pedagógicas ou de gestão de horários, ser repartida igualmente entre eles.

            As disciplinas de classe de conjunto lecionadas neste ciclo são coro e orquestra, podendo agregar, dadas as características e especificidades da disciplina, alunos de vários graus e regimes de ensino.

            A disciplina de Classe de Conjunto contempla um reforço de 45 minutos em virtude da não existência da disciplina de oferta complementar.

            No polo de Vieira do Minho, dada a menor dimensão e a dificuldade da implementação desta tipologia de ensino, e com vista a reforçar os níveis de motivação e os consequentes resultados artísticos e académicos, são proporcionados, de acordo com a portaria em vigor, 45 min de oferta facultativa que são usados na disciplina de classe de conjunto, com o objetivo primordial de construção de projetos artísticos